No grito! ANÁLISE TÁTICA DE VASCO 1 x 0 FLUMINENSE

Por Ricardo Leite Uma final que começou antes da bola rolar. A rivalidade, a polêmica na última partida, a disputa por lado, o grande tabu, ingredientes não faltavam para apimentar a final da Taça Guanabara. Mas os órgãos (in)compententes fizeram questão de atingir o único ser sagrado no futebol: o torcedor. Aquele, que no mundo dos negócios bilionários do futebol é o que só gasta, … Continuar lendo No grito! ANÁLISE TÁTICA DE VASCO 1 x 0 FLUMINENSE

Em busca de padrão e conceitos – ANÁLISE TÁTICA VASCO 3 x 0 RESENDE

Por Ricardo Leite Após adiamento devido ao incêndio que matou 10 adolescentes no Ninho do Urubu, e ficar ameaçado novamente devido às previsões de chuvas fortes no RJ, a FERJ decidiu manter a semi-final entre Vasco e Resende nesta quarta-feira no Maracanã. O Vasco precisava apenas do empate para garantir vaga na final, mas buscava manter os 100% de aproveitamento que tinha na competição. Por … Continuar lendo Em busca de padrão e conceitos – ANÁLISE TÁTICA VASCO 3 x 0 RESENDE

Posse x Controle – O impasse entre a filosofia e o resultado – ANÁLISE TÁTICA DE VASCO 1 X 0 FLUMINENSE

Por Ricardo Leite e Jorge Junior Fluminense e Vasco se enfrentaram no último sábado, 02 de fevereiro de 2019, no Estádio Mané Garrincha, pela última rodada da Taça Guanabara. Em jogo, a disputa pela primeira colocação do grupo e a vantagem de enfrentar um pequeno nas semi-finais da Taça Guanabara. VASCO Era o confronto de duas equipes que gostam da bola, mas a obsessão de … Continuar lendo Posse x Controle – O impasse entre a filosofia e o resultado – ANÁLISE TÁTICA DE VASCO 1 X 0 FLUMINENSE

Novas alternativas em um Vasco mais “operário” – ANÁLISE TÁTICA MADUREIRA 0 x 1 VASCO

Por Ricardo Leite Neste sábado, o Vasco enfrentou o Madureira e abriu o Carioca 2019 (fase principal). Infelizmente as condições climáticas e do gramado era muito prejudicial ao espetáculo. Alberto Valentim optou por uma equipe mesclada e por dar uma pré temporada maior a alguns jogadores considerados muito importantes, como Andrey, Bruno César e Maxi López. Thiago Galhardo também deveria ter sido poupado, mas acabou … Continuar lendo Novas alternativas em um Vasco mais “operário” – ANÁLISE TÁTICA MADUREIRA 0 x 1 VASCO

O Club de Regatas Vasco da Gama Respira

Por Ricardo Leite Por aparelhos, é verdade. Mas escapar do rebaixamento na última rodada, pode ter sido o “milagre” vascaíno. Uma queda, poderia representar o “fim” do clube, a inviabilidade financeira e muito mais. Vale lembrar que o descenso representaria uma queda brusca na arrecadação com a mudança das cotas televisivas. E apesar de ter conseguido se manter na elite, há de se falar de … Continuar lendo O Club de Regatas Vasco da Gama Respira