Eficiência tricolor, ineficiência rubro-negra: ANÁLISE TÁTICA FLAMENGO 0x1 SÃO PAULO

Por Pedro Galante e Luan Silveira Flamengo x São Paulo tinha todos os ingredientes para uma grande partida. O duelo entre o líder e o terceiro colocado valia muito para as duas equipes. Desde o princípio ficou bem claro a estratégia que Aguirre havia adotado: defender no seu campo e buscar o contra-ataque, principalmente pelo lado direito da defesa flamenguista. Rodinei é um lateral de … Continuar lendo Eficiência tricolor, ineficiência rubro-negra: ANÁLISE TÁTICA FLAMENGO 0x1 SÃO PAULO

A evolução do SPFC de Diego Aguirre

Por Pedro Galante Diego Aguirre chegou ao São Paulo sem muitas perspectivas de sucesso. A situação era de extrema insatisfação da torcida com o clube. Mas Aguirre contornou isso, criou um time competitivo e está entre as três melhores equipes do Brasileirão. A pergunta é: como Diego foi do inferno ao céu em pouco mais de três meses? Não, não foi por acaso.  Aguirre traçou … Continuar lendo A evolução do SPFC de Diego Aguirre

Quem deve jogar pela direita no SPFC?

Por Pedro Galante Os pontas são peças essenciais no esquema de Diego Aguirre. São eles os responsáveis por puxar os contra-ataques, auxiliar Nenê e Diego Souza na hora de pressionar a saída de bola do adversário e ajudar na recomposição, negando espaços e lutando pela bola. Everton tem sido perfeito como ponta direita. Sempre recompõe da maneira correta, é preciso no bote, seja no próprio … Continuar lendo Quem deve jogar pela direita no SPFC?

Criar já é difícil, sem Nenê então… – Análise tática de São Paulo 0 x 0 Internacional

Por Pedro Galante Depois da derrota para o Palmeiras, o São Paulo buscava uma vitória para manter a boa fase. O tricolor fez um jogo horrível e ficou no empate com Internacional. As ausências de Nenê e Jucilei foram fatais, assim como a estratégia adotada pelos colorados. O Inter de Odair Hellmann é caracterizado pelo jogo defensivo, a defesa em bloco baixo negando espaços e … Continuar lendo Criar já é difícil, sem Nenê então… – Análise tática de São Paulo 0 x 0 Internacional

SPFC perde em noite infeliz, mas não deve se abalar

Por Pedro Galante Todos sabemos da relevância que clássicos possuem. São jogos onde independentemente do desempenho o vencedor sai fortalecido e o perdedor diminuído. Mas na maioria das vezes, esse ganho/perda na moral é ilusório. O São Paulo fez um primeiro tempo dentro da sua proposta. Defendeu os espaços, brigou pela bola no meio campo e buscou o contra-ataque. O grande problema foi na hora … Continuar lendo SPFC perde em noite infeliz, mas não deve se abalar

O CONTRA ATAQUE É A PRINCIPAL ARMA DO SÃO PAULO

Por Pedro Galante O jogo contra o Botafogo demonstrou o funcionamento pleno da proposta de Diego Aguirre: intensidade, muito combate pela bola e contra-ataques mortais. Outro aspecto que precisa ser destacado é a força mental da equipe. Mesmo após sair atrás, o time se manteve focado e virou o jogo em menos de dez minutos. Contra Atlético-MG e Bahia, a equipe estava atrás do placar … Continuar lendo O CONTRA ATAQUE É A PRINCIPAL ARMA DO SÃO PAULO

POLÊMICAS A PARTE, FALTOU APTIDÃO PARA O BOTAFOGO – Análise tática de São Paulo 3 x 2 Botafogo

Por Sergio Santana Após uma série de atuações ruins e resultados longe do ideal, Alberto Valentim promoveu mudanças no corpo do Botafogo para a partida contra o São Paulo: deixou o 4-1-4-1, com dois interiores e um primeiro volante, de lado, dando lugar ao 4-2-3-1, que, com um homem mais à frente na linha avançada do meio-campo, poderia garantir mais qualidade e mobilidade no terço … Continuar lendo POLÊMICAS A PARTE, FALTOU APTIDÃO PARA O BOTAFOGO – Análise tática de São Paulo 3 x 2 Botafogo