Vitória da sabedoria – ANÁLISE TÁTICA DE SÃO PAULO 3 X 0 LDU

Por Pedro Galante

A segunda rodada da fase de grupo da Libertadores já era uma decisão para o São Paulo. Perder ou empatar deixaria o tricolor em último de um grupo onde todos adversários já tinham três pontos. Vencer era essencial. Os pouco mais de 39 mil torcedores que foram ao Morumbi fizeram de tudo para garantir a melhor atmosfera para a partida.

O São Paulo contava com as voltas de Vitor Bueno e Juanfran, em relação à última partida na competição continental, e fez vinte minutos muito consistentes no inicio do jogo. A LDU se defendia sempre com ao menos dez jogadores – com o goleiro – atrás da linha da bola, mas não eram raros os momentos em que o centroavante Cristian Martinez também voltava para marcar.

splduOs meias criativos costumam descansar ao lado do centroavante no momento defensivo. Não foi o caso de Sornoza, que sempre ajudava na marcação. (Foto: Instat/ Pedro Galante)

A equipe de Fernando Diniz não se assustou diante do ferrolho equatoriano e apostou em seus métodos: foi circulando a bola com velocidade, ditando o ritmo do jogo, sempre recuperando rápido após a perda. Na insistência de Antony, que acreditou em uma bola que parecia fadada a sair pela linha de fundo, o tricolor paulista conseguiu um pênalti convertido por Reinaldo aos 14 minutos.

O gol cedo desmontou a estratégia de Pablo Repetto, que teria de avançar seu time. Foi um golpe duro para o treinador quando o São Paulo ampliou no lance seguinte, em contra-ataque, com Reinaldo dando um cruzamento preciso para Dani Alves.

E o que se viu depois do 2 a 0, foi uma LDU, muito insatisfeita com o resultado, canalizando esse sentimento em uma pressão muito intensa. A marcação que acontecia com todos em campo de defesa passou a pressionar a saída de bola com Tiago Volpi. Sem a possibilidade de desafogar com bolas longas para uma referência de ataque física, o São Paulo insistia na saída curta pelo chão. Com dificuldades, o time mandante optou por deixar a bola com os visitantes.

spldu2

Mapa dos momentos de pressão da LDU. (Foto: Instat)

A LDU impôs um cenário para a partida, e a postura mais defensiva e recuada foi a resposta tricolor. Talvez fosse possível responder também com intensidade – o que o time tem capacidades de fazer – mas o resultado seria incerto. Uma pressão alta não garantiria nada. Faltando ainda vinte minutos mais o segundo tempo a equipe optou por resistir de forma passiva.

Essa postura dificultou ainda mais a manutenção da posse de bola. Com Antony e Vitor Bueno acompanhando os laterais equatorianos, não havia possibilidade de contra-ataque rápido. A LDU dominou. Mas a defesa foi bem feita, protegendo as zonas de chutes e cruzamentos e não permitindo nenhuma grande chance.

spldu3Os pontas do São Paulo acompanhavam os laterais até o fim. Ao recuperar, era difícil puxar contra-ataques. (Instat/ Pedro Galante)

Essa dinâmica atravessou o primeiro tempo e se manteve até os 15 minutos da segunda etapa, quando Tiago Volpi saiu lesionado para a entrada de Lucas Perri. O atendimento ao arqueiro desacelerou o jogo e deu um respiro aos jogadores. Voltando a partida, Igor Gomes marcou aparecendo na área como elemento surpresa após o cruzamento de Vitor Bueno.

O gol não foi suficiente para derrubar a equipe de Repetto, que colocou dois atacantes em campo. No entanto, tudo foi pelos ares com a expulsão de Sornoza, por conduta violenta.

E então o jogo foi todo do São Paulo, que tinha a bola e circulava com a mesma rapidez do início. Entraram Pablo e Hernanes, nos lugares de Vitor Bueno e Igor Gomes. A equipe paulista criou ao menos duas boas chances: uma desperdiçada por Pablo, a outra, de Alexandre Pato, parou no travessão. O São Paulo fez um grande jogo e a sensação que ficou é de que poderia ter feito ainda mais.

Mesmo com momentos difíceis, o time traçou e executou bem seu plano, foi sábio, como pede a Libertadores. Venceu um adversário duro e embolou o grupo D, que está empatado em pontos. O desafio agora é o atual vice-campeão do torneio, o River Plate. Só isso.

@pedrosbgalante

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s