Empate cinzento – ANÁLISE TÁTICA SANTOS 1 X 1 SÃO PAULO

Por Pedro Galante

WhatsApp Image 2019-11-17 at 18.49.25

Santos e São Paulo se enfrentaram na tarde desse sábado (16), na Vila Belmiro. O clássico SanSão colocou frente a frente duas equipes em momentos distintos: o mandante estável, comandado por Sampaoli, brigando pela segunda colocação; o visitante, comandando por Fernando Diniz, vindo de duas derrotas em casa e sofrendo para garantir uma vaga no G4.

Sampaoli escalou o Santos no característico 4-3-3, com Evérson, Victor Ferraz, L. Veríssimo, G. Henrique e Jorge; Sánchez, Alisson e Evandro; Marinho, Sasha e Felipe Jonatan. O Peixe apostaria no controle da bola e na forte pressão para se impor em casa.

Fernando Diniz preferiu um 4-2-3-1 com Volpi, Juanfran, B. Alves, Arboleda e Reinaldo; Jucilei e Tchê Tchê; Dani Alves, Igor Gomes e Vitor Bueno; Pablo. A pressão alta, com Igor Gomes se juntando a Pablo seria uma das principais armas do Tricolor.

O placar foi inaugurado antes dos 10 minutos. O Santos recuperou a bola no campo de ataque e partiu em direção a meta. Arboleda parou Evandro com um carrinho dentro da área. Carlos Sánchez foi o responsável pela batida: goleiro para um lado, bola para o outro. 1 a 0 Santos.

sansao1.pngCarlos Sánchez “bateu a carteira” de Jucilei no lance que origina o pênalti. (Foto: Instat/ Pedro Galante)

Depois do gol, o São Paulo “escondeu” a bola, primeiro para esfriar o ímpeto inicial, depois para buscar alguma reação. No entanto, os visitantes tinham problemas nas duas fases do jogo com bola: a saída de bola feita por Jucilei e os zagueiros era ineficiente e lenta, não eliminava adversários e tinha dificuldade quando pressionada; a criação era pouco efetiva com Juanfran e Vitor Bueno cravados pelas laterais e Daniel Alves e Igor Gomes rodando por dentro sem conseguir abastecer Pablo que – traindo sua característica – se movimentava muito pouco.

san-2.pngDani e Igor foram importantes amadores do São Paulo, mas a falta de tabelas pelos lados e movimentações de Pablo dificultaram a criação de chances. (Foto: Instat/ Pedro Galante)

Quando tinha a bola, o Santos via Carlos Sánchez aparecer com certa liberdade no meio do 4-4-2 tricolor, mas não conseguia levar a bola até esse espaço. Victor Ferraz tentava aparecer por dentro ao lado de Alisson, que tinha bastante dificuldade de virar para jogar de frente.

san-3.pngSánchez está livre entre as linhas, mas Alisson está sendo pressionado por três. (Foto: Instat/ Pedro Galante)

Na segunda etapa, Diniz recuou Tchê Tchê e trocou Jucilei por Liziero. A alteração melhorou a saída de bola e permitiu que a equipe tivesse mais posse de bola no campo de ataque.

Apesar disso, o gol de empate saiu em jogada de contra-ataque iniciada e finalizada por Dani Alves. O camisa 10 recuperou a bola deu um lançamento para Pablo e infiltrou nas costas de todo sistema defensivo santista para receber com gol aberto e finalizar com Evérson voltando desesperado.

san-4.pngO cruzamento de Vitor Bueno foi preciso, enquanto Dani entrava despercebido, nas costas da defesa. (Foto: Instat/ Pedro Galante)

Como resposta, Sampaoli trocou Felipe Jonatan por Diego Pituca para reequilibrar o duelo no meio-campo. Com isso, Evandro virou ponta esquerda. O domínio da posse era tricolor, mas o Santos conseguia criar perigo quando a bola caia pela ponta direita com Marinho. Pela esquerda, com Evandro, quase nada. Por isso, aos 23 o garoto Tailson entrou em seu lugar.

O São Paulo dono da bola conseguia empurrar o Santos para trás, mas seguia com dificuldade na hora de atacar a linha de defesa. Com Vitor Bueno discreto pela esquerda e Igor Gomes mais construtor que definidor faltam jogadas de profundidade.

Entraram Jean Mota e Gabriel Sara e o juiz deu quatro minutos de acréscimo, que viraram cinco depois de atendimento a Tiago Volpi.

O Clássico SanSão terminou empatado, um resultado ruim para os dois lados. E o jogo dos treinadores criativos acabou meio cinzento, sem grandes chances.

@PedroSBGalante

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s