E o prêmio de jogo ruim da rodada vai para…. – ANÁLISE TÁTICA AVAÍ 1X1 CORINTHIANS

Por Jhonata Souza

8c57ce1f-2144-4ef0-abd6-8ccbf117c421

Na noite do último domingo (25), Avaí e Corinthians se enfrentaram na Ressacada, pela décima sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Alberto Valentim escalou os donos da casa da seguinte forma: Vladimir; Léo, Betão, Marquinhos e Igor; Richard Franco, Pedro Castro e João Paulo (Daniel Amorim); Caio Paulista (Luan), Lourenço e Brenner (Ricardo).

Já os visitantes foram escalados por Carille com os seguintes jogadores: Cássio; Michel, Manoel, Gil e Carlos Augusto; Ralf (Clayson); Ramiro, Matheus Jesus, Sornoza (Fagner) e Everaldo; Boselli (Vágner Love). Os gols da partida foram marcados na segunda etapa por Richard Franco (Avaí) e Vágner Love (Corinthians).

PRIMEIRO TEMPO

Sem exagero nenhum dá para dizer que os primeiros 45 minutos de jogo foram os piores de todo o campeonato até aqui. Um jogo onde as duas equipes tiverem muitas dificuldades na criação e cometeram muitos erros de passes. O lance mais perigoso foi um gol anulado do Corinthians aos 11 minutos. No resto, os dois goleiros e os centroavantes foram meros espectadores em campo.

O Avaí fez um jogo seguro na defesa e no ataque não criou nenhuma chance de perigo. O Leão da Ilha teve muitas dificuldades na criação, onde tentou usar os lados de campo e quando não conseguia infiltrar na defesa rival forçava lançamentos que acabavam em nada. Mais uma vez mostrou deficiência nas finalizações, sendo que foram 8 no total com 6 de fora da área e nenhuma certa.

O Corinthians fez um jogo seguro na defesa e no ataque deixou muito a desejar. A bola circulou bastante entre a dupla de zaga e Cássio em diversos momentos, já que os laterais e o trio de meio pouco se apresentou para dar opção de passe. O lado direito do ataque com Ramiro, Sornoza e Michel foi complemente nulo e deixou o time dependente das tentativas de Everaldo e Carlos pela esquerda, sendo que foi com Everaldo que vieram as poucas boas jogadas e foi quem mais procurou fazer a bola chegar a Boselli.

coPosicionamento médio via SofaScore que mostra como houve falta de profundidade pelo lado direito.

SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa foi mais movimentada com as expulsões e os gols, porém não deixou de ser um jogo tecnicamente fraco. O Avaí voltou jogando um pouco melhor e conseguindo trabalhar melhor a posse no ataque. Os donos da casa se aproveitaram do momento mais frágil do adversário, que venho após uma cotovelada totalmente desnecessária de Michel que levou a sua expulsão, para chegar ao seu gol com Richard após cobrança de escanteio.

O problema do o Avaí foi que não conseguiu aproveitar o tempo com jogador a mais para marcar o segundo gol. E, após falta, o zagueiro Betão foi expulso, o que acabou com a vantagem numérica do Leão, e trouxe o Timão de volta a partida. As mudanças feitas por Carille, de forma tardia, surtiram efeito. Com Fagner a equipe passou a ter uma saída de bola mais qualificada e Love foi decisivo sofrendo a falta que originou a expulsão de Betão e fazendo o gol de empate após bate rebate na área.

Ajude a melhorar nossas análises táticas! Contribua com o MW Futebol e ajude a manter o acesso gratuito aos nossos textos.

R$10,00

O gol de empate junto com a entrada de Clayson acordou o Corinthians na partida. O Timão passou a trabalhar melhor a posse, encontrar espaços na defesa Avaiana e até criar chances de gol, porém não foi o suficiente para conseguir a virada.  A impressão que ficou é que se o Corinthians tivesse jogado no mesmo ritmo dos últimos 10 minutos poderia ter saído com os três pontos da Ressacada.

okkkkkkkkEstatísticas da partida via SofaScore.

Não foi desta vez que a primeira vitória vem para o Avaí, mas a equipe mostrou que mesmo com as muitas dificuldades no ataque não será nada fácil para os adversários saírem de Florianópolis com os três pontos. O Corinthians tinha a chance de entrar de vez na briga pelo titulo, porém mais uma vez o alvinegro esbarrou na falta de ambição do time nos momentos onde ele mais se faz necessária. Se o Timão quiser brigar pelo titulo vai precisar repensar a sua postura fora de casa, pois dessa maneira vai ser difícil sair com a classificação na Sula contra o Fluminense.

@jhonny14souza

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s