E deu BLUES: ANÁLISE TÁTICA DA FINAL DA EUROPA LEAGUE – CHELSEA 4×1 ARSENAL

Por Luiz Martins

A partida iniciou em baku, com o Arsenal apostando em fechar muito bem os espaços das transições do Chelsea. Maitland-Niles e Kolasinac abriam bastante o campo gerando amplitude no momento de ataque, buscando os corredores, que se mostravam fragilizados, devido a marcação quero Chelsea impunha a centro do campo. Essa opção dos Blues se deu, porque Ozil e Lacazette (alternando posicionamento de atacante e meia), se colocavam como meias por dentro, com Aubameyang gerando muita profundidade, para seus companheiros pudessem se movimentar no entrelinhas.

che2Arsenal aproveitava bem os corredores laterais, deixados pela marcação mais central do Chelsea (Fonte: Instat/Edição: Juno Martins)

Defendendo, Arsenal não iniciou gerando grande pressão na saída, mas sim uma marcação em bloco médio, setorizada, com Xhaka e Torreira fechando muito bem os espaços de Hazard e Pedro, fazendo com que o Chelsea tivesse que apostar em jogadas mais diretas para Giroud. Isso fez com que os zagueiros do lado vermelho de Londres, tivessem vida facilitada na marcação, por vencerem os desafios contra o camisa 9 adversário.

che1Marcação individual por setor do Arsenal, tirava totalmente os espaços de transição do Chelsea (Fonte: Instat/Edição: Juno Martins)

De início esta opção de marcação foi efetiva, fazendo com que próximo ao final da primeira etapa o Arsenal buscasse subir a marcação e pressionar com maior contundência a saída de bola adversária, encurralando seu rival em seu campo, mesmo que Hazard já iniciasse melhor suas ações, buscando um posicionamento mais próximo à base da jogada. Com esta opção de recuar, o jogador belga já dava indícios do que poderia ser esperado para o restante da partida, bem como à melhora na movimentação de Pedro e Kanté, que ao conseguirem se desvencilhar melhor de seus marcadores, também apareciam como soluções dentro da estratégia que Sarri pensara.

Ao longo do restante da partida, a marcação Gunner foi afrouxando, cedendo mais espaços aos Blues e com espaço, a equipe que possui um diferencial dentro da partida, certamente tem vantagem contra seu adversário.

Eden Hazard, um jogador de extrema habilidade, com dribles desconcertantes, ótimo controle de bola e tomada de decisão superior, fez totalmente a diferença na partida ao longo da segunda etapa. Com sua extrema qualidade, foi o responsável pelas principais ações ofensivas do Chelsea para marcar seus gols, levando ao triunfo na partida. O Arsenal não conseguia demonstrar forças para reagir as ações do meia belga, além das ótimas leituras defensivas de David Luiz, que tirava totalmente os espaços de Aubameyang e Lacazette, ao receberem a bola e tentarem agredir a defesa do time de Stamford Bridge.

che3Hazard com espaço e sem pressão, Pedro com mobilidade e Giroud gerando profundidade, foram os homens da segunda etapa (Fonte: Instat/Edição: Juno Martins)

Como escudeiros do belga, Pedro, Giroud e Emerson Palmieri, também foram peças importantes na partida, tendo os dois primeiros marcando os dois gols que deram a vantagem ao seu time e o segundo conquistado uma bela assistência, ao aparecer muito bem no ataque, uma de suas grandes qualidades desde o Santos.

Mesmo com as mexidas de Emery, para tentar reverter o placar, em uma delas com Iwobi marcando um belo gol para o Arsenal, a superioridade de se possuir um craque de nível mundial teve um peso considerável para o Chelsea, que garantiu a vitória com placar elástico.

A noite em Baku era de Eden Hazard, o jogador que deixa um belo legado no Chelsea, com mais um troféu na prateleira e colocando seu nome cada vez mais na história do clube.

@ojunomartins

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s