Evolução e crescimento no momento certo – Real Madrid vai forte em busca do 14º título da Champions League

Por Gêra Lobo

caxirola-bahia-brown-1-original

É impressionante o que acontece com o Real Madrid no segundo semestre das temporadas. As saídas de Cristiano Ronaldo e Zinédine Zidane foram muito sentidas, como esperado. Porém, a chegada de Julen Lopetegui e a chance de mais protagonismo de Gareth Bale chamaram atenção, mas não foi lá um início tão bom. Saiu Lopetegui, entrou Solari e um tal de Vinicius Junior começou a dar suas caras. Além disso, Karim Benzema, que desde o começo da temporada tem sido o melhor jogador do time, cresceu ainda mais, assim como Luka Modric e o time voltou a render bastante, tanto que está mais que vivo nas três competições que disputa.

Enfim, a questão é que os merengues tem, hoje, ideias de jogo muito bem estabelecidas e uma energia maior em relação ao início de temporada. Esse texto será dividido em duas partes nesse mesmo post: ataque e defesa, mostrando características do time de Solari que chega para encarar o Ajax.

FASE OFENSIVA                    

A partida contra o Atlético destacou bem uma das evoluções do Madrid: a qualidade em sair de pressões dos adversários. Atuando em blocos altíssimos, os colchoneros encurralaram os merengues, que, por sua vez, conseguiram aplicar mecanismos para superar essa adversidade, como bem explicado abaixo: uma saída lavolpiana com Casemiro por dentro, Reguilón abrindo campo para atrair jogadores adversários e criar espaço por dentro, Vinicius Jr descendo para o apoio, arrastando seu defensor, e Kroos buscando o espaço para receber. Os encaixes feitos pelo Atlético são muito bem feitos, mas a habilidade merengue na situação foi gigante.

caxirola-bahia-brown-1-originalFoto: Reprodução.

A segunda situação a ser destacada são as formas de criação de espaço pelas laterais, algo bastante utilizado atualmente pelo time de Solari, que, além de circular a bola com mais velocidade e intensidade, que faltou no primeiro semestre da temporada, também foca muito em ataques pelos flancos, principalmente na esquerda. As triangulações e associações formadas por Reguilón/Marcelo, Kroos, Benzema como forma de ativador e no sentido de atrair a marcação, e Vinicius Jr estão dando cada vez mais certo.

caxirola-bahia-brown-1-originalPerceba a inteligenção de Reguilón em observar e atacar o corredor adversário; Benzema desce para criar espaços e Kroos como engate para lançamentos, assim como Casemiro no círculo central; Vinicius segura seu marcador. (Foto: Reprodução)

Na segunda situação, algo bem parecido, mas agora com Marcelo, que é um passador bem mais qualificado que Reguilón, observando a movimentação tanto de Benzema, puxando Piqué da sua posição e criando um espaço vazio gigante para Vinicius Jr atacar em profundidade. Tanto um lançamento de Marcelo, como um passe no meio para Benzema ativar Vinicius de primeira são opções. A profundidade e velocidade do jovem brasileiro tem sido algo extremamente explorado, deixando-o em situações de 1 x 1 várias vezes.

caxirola-bahia-brown-1-originalFoto: Reprodução.

A grande questão é saber se, principalmente no jogo do Bernabéu, o Ajax vai adiantar suas linhas para sufocar o Madrid, já que o time holandês não tem medo de pressionar. Em relação a essa criação de espaços, o marcador de Vinicius Jr nessa partida será o jovem Mazroui, que não é lá um dos grandes marcadores da posição, então provavelmente isso continuará sendo explorado.

FASE DEFENSIVA

Mas acho que a grande evolução merengue na temporada tem sido a dedicação tática sem a bola. O que antes parecia uma trinca de meio campistas sem intensidade, com pouca ajuda na pressão pós-perda e falta de apoio em relação a pressão no campo de adversário, mudou completamente, com Modric, Kroos e Casemiro sendo essenciais nisso. Porém, acho que Vinicius Jr e Lucas Vázquez são os que mais merecem destaque nesse amadurecimento, pois ambos tem fechado extremamente tanto os lados, como fechando a casinha por dentro.

No frame abaixo, perceba o Real Madrid em um 4-1-4-1, com Casemiro entrelinhas. No setor da bola, Modric, Vázquez, Casemiro e Carvajal fecham muito bem os espaços, o que obriga o Atlético a iniciar a jogada mais uma vez. Do outro lado, Vinicius Jr. interioriza suas ações, se posicionando por dentro, como uma forma de fechar espaços e janelas de passe, mas sempre de olho no jogador mais aberto. Isso se repete quando a bola está no outro lado, com Vázquez fazendo os mesmos movimentos do brasileiro.


caxirola-bahia-brown-1-originalFoto: Reprodução.

Lembram da tal intensidade? Então, o Real Madrid tem feito isso muito bem nos últimos jogos. Percebam abaixo que Rakitic já recebe cercado por quatro jogadores, que fecham totalmente suas janelas de passe. Nessa jogada, Vinicius Jr perdeu a chance de fazer o segundo, mas só a intensidade de pressionar no campo adversário já chama muita atenção.

caxirola-bahia-brown-1-originalFoto: Reprodução.

Muita coisa mudou desde o sorteio das oitavas da Uefa Champions League, em dezembro, até hoje. O Ajax estava voando e o Madrid sofrendo bastante, tanto que apontaram, pelo momento, os holandeses favoritos no confronto. Porém, muita coisa mudou de lá para cá e os espanhóis hoje são um time extremamente competitivo contra qualquer equipe, mesmo não jogando um futebol vistoso ao nível Real Madrid. A forma como o time joga hoje pode causar problemas gigantes aos holandeses e Solari sabe disso.

@gerinhalobo_

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s