Muito respeito, pouca inspiração e nenhum gol – BOTAFOGO-PB 0 x 0 SANTA CRUZ

Por João Pedro Pereira

funil

Estreando na temporada 2019, o Santa Cruz foi até a Paraíba para enfrentar o Botafogo pela primeira rodada da Copa do Nordeste. A partida marcou também a estreia oficial de Leston Júnior no comando técnico da cobra coral e o reencontro de Leston com o seu último clube comandado, no qual se demitiu ainda durante a série C 2018.

Muitos torcedores veem em Leston uma esperança para que a temporada 2019 seja melhor do que a anterior, esperam que o treinador organize o time dentro de campo e fora dele saiba indicar os reforços necessários, mas ainda há muito desconhecimento sobre o trabalho do treinador, e essa estreia serviu para que os torcedores comecem a ver e entendam melhor o que esperar da equipe tricolor dentro de campo.

E o jogo?

Horas antes da partida, Pipico que é a esperança de gol tricolor sofreu uma lesão e ficou fora da partida, sendo substituído por Neto Costa na referência do comando de ataque tricolor. As equipes entraram em campo assim:

jesus risos

A organização esperada pela torcidado Santa Cruz foi vista, principalmente na fase defensiva. Para a partida de estreia, algumas ideias do treinador ficaram claras.

jesus risosjesus risos

Defendendo em um 4-4-2 (linhas amarelas) com linhas bem claras e fazendo alguns encaixes (linhas pretas) no lado da bola para retirar os espaços do ataque do time paraibano.

Na parte ofensiva, o Santa Cruz teve algumas dificuldades em reter a bola no setor ofensivo, Neto Costa que foi escalado de última hora mostrou bastante dificuldade no posicionamento e em dar prosseguimento à algumas jogadas, e por muitas vezes esteve brigando sozinho com os zagueiros adversários, talvez por isso a equipe criou suas melhores chances na partida através de contra-ataques muito bem trabalhados com Augusto e Elias Carioca nas pontas e Hericles aparecendo bem pelo meio, mas todos pecaram na tomada de decisão final da jogada ou na hora da finalização, como os dois cabeceios de Augusto para fora.

Pelo lado do Botafogo, faltou qualidade para quebrar as linhas de marcação do Santa Cruz. Marco Aurélio, responsável por pensar o jogo pelo Botafogo esteve durante quase toda a partida bem marcado e sabendo da qualidade letal do meia botafoguense nas bolas paradas, a defesa tricolor evitou fazer faltas nos arredores da área (dedo de Leston Jr através do seu conhecimento da ex-equipe?).

Nando, bom centroavante da equipe Paraibana, tentou bastante, saindo da área para dialogar com o restante da equipe, mas não esteve em noite tão inspirada e contou com a pouca percepção de AdaulgizoPitbull e Clayton para buscarem entrar na área nos momentos em que Nando saía e atraia consigo a marcação, buscando abrir a defesa da equipe recifense.

jesus risos

No segundo tempo, após os 30 minutos, as duas equipes sentiram a parte física, o que é até esperado nesse início de temporada, e a partida ficou fria, que juntando-se à pouca inspiração ofensiva das equipes, tratou de garantir o 0 a 0 no placar e cada equipe ficando com um ponto nesta rodada inicial de Copa do Nordeste.

Na próxima rodada o Santa Cruz recebe o Bahia em casa (26/01) enquanto o Botafogo viaja até ao Piauí para enfrentar o Altos (27/01).

@joao_ppereira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s