Campo aberto no Nilton Santos: ANÁLISE TÁTICA BOTAFOGO 1×0 INTERNACIONAL

Por Luiz Martins

O Botafogo venceu o Internacional, pelo placar de um a zero, em pleno Nilton Santos.
O time carioca mantem uma boa campanha, com três vitórias, nas últimas três rodadas.
Já o Internacional viu o Flamengo o ultrapassar, caindo uma posição na tabela (terceiro colocado), por apenas um ponto de diferença.

Análise da Partida


O jogo iniciou com a equipe do Botafogo tomando a iniciativa, tendo mais a bola e construindo jogadas através da dupla de volantes Rodrigo Lindoso e Matheus Fernandes. Os dois jogadores retornavam bastante a base da jogada, iniciando a construção, sempre buscando Léo Valencia, que se movimentava bastante na linha de Rodrigo Dourado, retirando o jogador de seu posicionamento defendendo à frente da área, recebendo a bola e dando continuidade aos ataques. Com estas movimentações, os pontas Erik e Luiz Fernando conseguiam algumas infiltrações por dentro e quando recebiam a bola eram brecados pelos defensores colorados.

Inter1Conexão entre Matheus Fernandes, Rodrigo Lindoso e Léo Valência, era a principal forma de contrução ofensiva do Botafogo (Fonte: Instat/ Edição Juno Martins)

Já o Internacional adotou uma postura mais reativa, aguardando as ações do Botafogo e atraindo o adversário para seu campo defensivo, na tentativa de roubar a bola e sair em velocidade de contra-ataque, muito pelo corredor esquerdo, com Patrick e Iago, que se deslocavam em velocidade aguardando lançamentos de D´alessandro e Victor Cuesta. Esta ação foi raramente vista no início da partida, onde o time colorado demonstrava lentidão na transição defesa-ataque, buscando sempre trocar passes mais horizontais, mesmo que o jogo apresentava muitos espaços a serem explorados.

Inter2D´alessandro centralizava as ações ofensivas, possuia jogadores buscando velocidade pelo corredor esquerdo, mas pouco utilizava essas saídas de intensidade (Fonte: Instat/Edição: Juno Martins)

D´alessandro, por ser o jogador de maior técnica do time, centralizava as principais ações ofensivas, mas errava bastante em sua tomada de decisão, errando passes. Outro ponto que dificultava os ataques era a baixa participação de Edenilson e Nico López na construção, que pouco se movimentavam, ou aparecendo como opção de passe ou abrindo espaços no bloqueio defensivo do Botafogo, sendo mais importantes na recomposição defensiva.

Inter3Inter tinha a bola, buscava velocidade com seus jogadores, que iam à frente mas não fazia a bola ser rápida. (Fonte: Instat/ Edição Juno Martins)

Com a passividade do adversário, o Botafogo avançou um pouco suas linhas e apostando em passes mais verticais, sempre em progressão ofensiva, através de seus meio-campistas, que se deslocavam desde o círculo central até muito próximo à entrada da área e os pontas  encontravam espaços nas linhas do time gaúcho em infiltrações (principalmente Luiz Fernando), desorganizando a forte marcação caraterística do time e em uma bela troca de passes pelo setor direito, a bola foi invertida, houve uma falha de marcação de Zeca e a bola acabou encontrando Erik dentro da área, que abriu o placar, no fim do primeiro tempo.

Inter4Na segunda etapa, Botafogo continuou com a mesma estratégia utilizada no primeito tempo de jogo. (Fonte: Instat/ Edição Juno Martins)

Já na segunda etapa, com sua equipe demonstrando melhor volume ofensivo, mas ainda cedendo espaços ao Botafogo, que continuava com suas movimentações do primeiro tempo.  Sentindo que tinha muito campo para ser explorado e vendo que seus jogadores buscavam bastante as laterais para progredir, Odair Hellmann, retirou o lateral Zeca, que após a falha defensiva no gol sofrido teve um decréscimo de desempenho, colocando Wellington Silva, um jogador de drible e velocidade pelos lados. Com a alteração, Edenilson foi deslocado para a lateral direita e Patrick fixado por dentro com D´alessandro.
O jogador se posicionava aberto pelo lado esquerdo, imprimindo bastante velocidade em suas movimentações, driblando marcadores e sendo efetivo em ações ofensivas, desalinhando a forte linha defensiva botafoguense.

Inter5Wellington Silva entrou no lugar de Zeca, posicionando-se aberto pela esquerda, com Patrick por dentro e Edenilson deslocado para a lateral direita. (Fonte: Instat/ Edição Juno Martins)

Entendendo que a troca realizada não surtiu totalmente o efeito esperado e o Inter ainda se via atrás do placar, Nico López, que fez uma partida abaixo do que j apresentou no ano´, foi sacado da partida cedendo lugar a Rossi. Odair iria apostar totalmente na velocidade.
O Inter conseguiu empurrar o Botafogo para dentro de seu campo, tendo total controle das ações do jogo, mas insistia em lançamentos e cruzamentos para dentro da área, que eram facilmente interceptados pelos defensores do time carioca.

O Botafogo abdicou de jogadas mais trabalhadas e escapava somente em contra-ataques, levando bastante perigo ao goleiro Marcelo Lomba, que realizava grandes defesas, impossibilitando que o time carioca ampliasse o placar.
Sentindo que precisava melhorar a intensidade de seus jogadores, que já demonstravam desgaste, Zé Ricardo realizou trocas em sua equipe:

– Brenner por Kieza, aos 25 do segundo tempo;

– Rodrigo Pimpão por Luiz Fernando, aos 35 do segundo tempo;

– Renatinho por Léo Valencia, aos 40 do segundo tempo;

Odair Hellman ainda na tentativa de no mínimo empatar o jogo, colocou Camilo, no lugar de Patrick, melhorando a circulação de bola, porque somente o Inter demonstrava ter a bola e estava com praticamente todos os jogadores de linha no campo ofensivo, além de ganhar mais uma alternativa de bola parada. Sem sucesso algum, visto que o time colorado já se encontrava em momentos de desespero, tendo Rodrigo Moledo atuando como mais um centroavante, deixando Rodrigo Dourado como zagueiro.

Fato curioso da partida foi que nos acréscimos alguns jogadores deixaram o contexto do jogo aflorar em suas ações e tivemos um festival de cartões distribuídos pelo juiz, até o fim do jogo.

@ojunomartins

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s