Erros de todos os lados – ANÁLISE TÁTICA FLAMENGO 3 x 0 FLUMINENSE

Por Hugo Alves

Após bela e animadora vitória frente ao Paraná na última segunda-feira (8), o Fluminense retornou ao gramado do Maracanã neste sábado (13) para encarar o Flamengo no famoso clássico Fla-Flu. A partida, tida como um divisor de águas para ambas as equipes, terminou com a vitória rubro-negra por 3-0.

Vindo de uma sequência positiva tanto no Brasileirão quanto na Sul-Americana, Marcelo Oliveira optou por manter o esquema 5-3-2. Analisando antes mesmo do jogo acabar já percebia um erro de leitura do adversário. Numericamente, se pararmos para contar, já saberíamos que o Flamengo atropelaria o Fluminense no meio-campo simplesmente por usar cinco jogadores no setor, mas, vamos em frente.

city ataque em superioridadeFoto: Divulgação/Fluminense

Antes de partimos para os momentos de bola rolando precisamos comentar a utilização de Marcos Jr. para substituir Sornoza, que segue à serviço de sua seleção nacional. A escolha, mais uma vez, coloca em xeque a presença de Daniel no elenco, por exemplo. Outro nome que foi muito criticado pela torcida foi o pseudo-lateral Matheus Norton, que é volante de origem, mas já jogou mais de lateral do que de volante.

Já com a bola rolando o Flamengo teve o domínio das ações durante todos os primeiros minutos, normal para um time com mais qualidade técnica e uma ideologia muito mais propositiva do que o Flu. Dorival, recém-chegado ao Fla, voltou a apostar nos cruzamentos para Uribe como arma (muito eficiente, por sinal) e descobriu sua mina de ouro nas costas de Norton. Vitinho, jogador do setor, deitou e rolou.

vitoria

Logo aos 11’ da primeira etapa o adversário já tinha a vantagem numérica e, muito além disso, tinha também o controle das ações. O Fluminense, completamente perdido em campo, aparecia em inferioridade numérica tanto no meio-campo, quanto no ataque, o que demonstrava uma completa loucura. Faltou ao Marcelo o entendimento completo do adversário. Na minha visão, cabia muito mais abrir mão de um zagueiro, já que o Fla apostou apenas em Uribe, e colocar mais um jogador de meio, principalmente um que soubesse armar jogadas (tsc tsc Daniel tsc tsc).

vitoria

Richard, perdido que só ele, infiltrou no meio dos zagueiros em quase todas as descidas do Fla ao ataque. Esse movimento dava a liberdade de Arão se posicionar na frente da área com tranquilidade para finalizar. Sorte do Flu e do volante tricolor que o atleta rubro-negro não estava inspirado e mandou todas as suas chances para fora.

Antes do apito final da primeira etapa, Léo Duarte ainda teria a oportunidade de subir livre e testar com muita plástica para o fundo das redes. No intervalo, Marcelo até fez os movimentos corretos, tirando Norton do jogo e colocando Daniel em campo. Logo em seguida, Ibañez – outro que fez péssima partida – também deixou o gramado dando lugar a Dodi.

city ataque em superioridadeFoto: Divulgação/Fluminense

Mas, nesse meio tempo, Julio Cesar protagonizou uma cena de muita infelicidade e viu Uribe mandar para o fundo das redes mais uma bola. Com 3-0 no placar, não restava ao Flu mais nada a não ser sair do seu esquema com 5 defensores e, finalmente, diminuir a desigualdade no meio. Tarde demais.

Alternando tentativas erradas e erros nem mesmo tentados, o Fluminense caminhou para o final do jogo sem demonstrar muita força de reação. O Tricolor amargura uma grande derrota em um momento importante da temporada, sorte sua e do seu torcedor que a gordura feita nos últimos jogos o permitiam uma derrota nesse momento sem o levar para a briga contra o rebaixamento.

O Flu volta à campo no próximo final de semana quando a equipe enfrentará o Atlético Mineiro no mesmo Maracanã. A partida antecede o confronto de ida contra o Nacional pela Copa Sul-Americana e pode significar uma virada (negativa ou positiva) na temporada do clube das Laranjeiras.

@_hugo1alves

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s