Resumo tático – Brasileirão 27ª Rodada

Por Felipe Henry

Esquemas mais utilizados: (4-2-3-1 – 15x)

Grêmio, América/MG, Corinthians, Bahia, Flamengo, Palmeiras, Cruzeiro, Sport Recife, São Paulo, Internacional, Santos, Atlético/PR, Ceará, Chapecoense e Vasco da Gama.

(4-1-4-1 – 2x)

Botafogo e Vitória.

Outros esquemas: (5-4-1 –Fluminense)/ (4-3-3 – Palmeiras)/ (4-4-2 – Paraná Clube).

Posse de bola:

  1. Flamengo – 68%
  2. Atlético/MG – 62%
  3. Santos – 62%
  4. Corinthians – 61%
  5. São Paulo – 61%

O time que mais tem a bola no campeonato foi também o líder no quesito na rodada, mas novamente com pouca objetividade. Impressiona como o único jogador de ataque a ultrapassar a marca de quarenta passes certos foi Everton Ribeiro (43), confirmando a posse improdutiva com os homens de defesa (Cuellar, Réver, Léo Duarte, Trauco…) como principais passadores. Novamente teve a bola, mas pouco soube o que fazer com ela.

Já o Galo, contou com um Cazares inspirado e que comandou uma fase ofensiva que criou muito contra uma defesa frágil, com assistência para finalizações e principalmente pelo lado esquerdo, sendo responsável por manter os mineiros no campo ofensivo. Além disso, o Atlético é o quarto time com maior índice de posse de bola no Brasileirão até aqui.

Entre as equipes mandantes, o Santos é o quinto com melhor média de posse de bola até aqui. Contra o CAP, teve dificuldades para criar principalmente pela atuação abaixo da média de Bruno Henrique e Rodrygo, presos na marcação. Entretanto, pelo lado direito, Carlos Sánchez liderou o Peixe nas tentativas de passes longos ao acertar sete das oito tentativas.

Corinthians e São Paulo não conseguiram vencer seus adversários. O Timão foi superior na Arena Independência e mesmo falhando nas finalizações, não podemos deixar de destacar como dominou as ações e apresentou melhoras na fase criativa principalmente com a dupla Matheus Vital e Pedrinho; Já o Tricolor Paulista tem o destaque negativo de fazer um 1T de muito pouca objetividade do meio pra frente ao ter o espaço de Nenê limitado, melhorando na segunda etapa quando migrou para o 4-4-2.

Confira na imagem abaixo de Davi Magalhães, um exemplo de como o Corinthians teve liberdade no campo ofensivo na Arena Independência:

 

jairNa imagem, Romero não é pressionado por nenhum jogador americano. Tendo liberdade para pensar o jogo. Com essa liberdade, o Corinthians progredia no campo do América com a bola. (Premiere)

Finalizações:

  1. Atlético/MG – 22
  2. Paraná Clube – 20
  3. Palmeiras – 17
  4. Vasco da Gama – 17
  5. São Paulo – 16

O Galo é o time que mais chuta a gol, em média, na temporada. Ricardo Oliveira é o jogador que mais finalizou a gol (60), mas também quem mais desperdiçou chances claras (14), sendo a referência de um time que cria bastante, mas nem sempre consegue finalizar com qualidade. Contra o Sport, contou com Chará como principal finalizador (quatro ao todo, três para fora), mas longe de ser efetivo como tem sido a tônica do Atlético na temporada.

Sendo superior no 2T, o Paraná finalizou 20 vezes ao gol muito por ter um jogador a mais a partir dos 12’, mas com 11 delas fora do alvo. Silvinho (quatro) e Alex Santana (cinco) foram os líderes no quesito na última rodada, explorando os espaços de uma transição defensiva lenta.

Além disso, Silvinho é o líder do Tricolor em finalizações na liga com 40 chutes a gol.

O Palmeiras tem se notabilizado por ser um time que perde muitas chances claras, com Dudu, Deyverson e Willian estando no “Top-10” desse quesito em 27 rodadas. Contra o Cruzeiro, não teve nenhum jogador com mais de duas finalizações e acertou o alvo apenas quatro vezes.

Já o Vasco criou e desperdiçou chances ao longo da primeira etapa com Maxi López sendo o líder em chutes a gol na partida (quatro ao todo – duas no alvo, duas para fora), mas é inegável não destacar que a cada rodada, o time tem ficado cada vez mais nervoso para definir as jogadas criadas. Além disso, deve-se dizer que Yago Pikachu é o quarto que mais finaliza no Brasileirão com 51 ao todo.

Ao mudar seu esquema para o 2T, o São Paulo finalizou mais e obrigou o goleiro adversário a fazer grandes defesas. Diego Souza poderia ter saído com um doblete e Gonzalo Carneiro também teve a sua oportunidade, porém novamente aproveitando um baixo aproveitamento nas finalizações.

Desarmes:

  1. Ceará – 17
  2. Fluminense – 16
  3. América/MG – 16
  4. Flamengo – 16
  5. Palmeiras – 15

 

Contando com mais uma ótima atuação de Samuel Xavier, o Ceará liderou a rodada em desarmes efetuados com 17 ao todo. O lateral-direito do Vozão conseguiu 100% de aproveitamento nas tentativas (cinco) e também foi fundamental para a remontada alvinegra com duas assistências. Além disso, Richardson lidera a equipe no quesito com 75 desarmes em 27 rodadas.

O Flu, assim como a equipe treinada por Lisca, tem sido cada vez mais reativo no Campeonato. Contra o Grêmio, pecou mais na escolha da melhor jogada do que na tentativa de recuperar a bola, com Richard e Ayrton Lucas com três desarmes cada, com 100% de aproveitamento. Aliás, Richard lidera a equipe no quesito com 80 desarmes em 27 rodadas, o quinto melhor até aqui.

Já o Flamengo tem que agradecer muito ao colombiano Gustavo Cuéllar por conseguir SETE desarmes na última rodada. Além disso, é o nono jogador que mais rouba bolas na competição (74) e contribui diretamente para que a equipe rubro-negra seja a que mais desarma até aqui. Na “Era Barbieri”, Cuellar era sacrificado por ser o responsável por fazer o combate em um time com muitas peças ofensivas. Contra o Bahia no começo da “Era Dorival”, isso voltou a acontecer.

TIME DA RODADA:

Esquema escolhido: 4-2-3-1

Técnico da Rodada: Lisca (Ceará)

jair

@Lipe_Henry

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s