Felipe Anderson e Cia afundam o United – ANÁLISE TÁTICA WEST HAM 3 x 1 MANCHESTER UTD

Por Felipe Holanda

O brasileiro Felipe Anderson vem, a cada jogo que passa, fazendo jus ao investimento que o West Ham fez para contrata-lo. Vindo de boas atuações, o camisa 8 foi coroado com seu primeiro gol pelos Hammers neste sábado (29), na vitória por 3 x 1 em cima do Manchester United, no Estádio Olímpico de Londres, pela sétima rodada da Premier League.

Felipe Anderson foi peça-chave no sistema 4-1-4-1 utilizado por Manuel Pellegrini. O brasileiro fez parte da segunda linha de quatro e flutuou bem no ataque, chegando com perigo à meta de De Gea. O capitão Mark Noble, com muita precisão no meio de campo, foi outro destaque dos Hammers contra os Diabos Vermelhos.

ibraEscalações iniciais de West Ham e United

O West Ham começou sufocando desde os primeiros minutos de bola rolando. Felipe Anderson levantou o braço pedindo a posse de bola, Mark Noble deu belo passe, quebrando a linha de cinco do United, Zabaleta cruzou rasteiro e o brasileiro finalizou com categoria para abrir a contagem em Londres: 1 x 0.

ibraFrames: Ícaro Caldas (Reprodução/Espn)


Do outro lado, Mourinho tentou dar mais dinamismo ao time, que parecia não se encontrar em campo. Postada no 5-3-2, a equipe de Manchester não conseguia levar perigo à meta de Fabianski. Mostrava, ao menos, indícios de que iria reagir.

No final do primeiro tempo, veio o balde de água fria para os Diabos Vermelhos.Yarmolenko fez a jogada, tentou o arremate para o gol, contou com o desvio da defesa e saiu para comemorar. A Premier League creditou gol contra de Lindelof, aos 43.

west ham

Nos últimos 45 minutos, o Manchester voltou disposto a construir uma recuperação no jogo. Mourinho tentou dar mais densidade ao meio de campo, setor que Pellegrini vinha com domínio total. Fellaini, de cabeça, só não diminuiu a vantagem dos Hammers graças à uma bela defesa de Fabianski.

De tanto insistir, os Diabos Vermelhos chegaram ao gol. Após cobrança de escanteio, o jovem Marcus Rashford se antecipou à marcação e deu um leve toque na bola para deslocar Fabianski e diminuir.

A alegria do United, entretanto, durou pouco. Para ser mais preciso, três minutos. Noble aproveitou cochilo da defesa e deu lindo lançamento para Arnautovic. O austríaco não perdoou e tocou na saída de De Gea para fechar o placar em 3 x 1.

west ham

No fim, Felipe Anderson foi substituído por Pellegrini e saiu ovacionado pela torcida dos Hammers. Segundo dados do Premier League Stat Man, o brasileiro teve 69 toques na bola, dez bolas recuperadas, sete carrinhos, três chances criadas, uma finalização no alvo e um gol.

 

@holandareporter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s