Passeando na chuva – ANÁLISE TÁTICA GRÊMIO 4 x 0 BOTAFOGO

Por Daniel Klabunde

Neste sábado tivemos o confronto entre Grêmio e Botafogo, pela 22º rodada do Brasileirão, e pudemos ver um passeio na chuva do Grêmio pra cima do Botafogo, literalmente. O jogo começou com o Grêmio muito intenso nas suas investidas ao ataque, exercendo forte pressão nos defensores do Botafogo, os quais se posicionavam muito espaçados entre si, dando muita liberdade para Luan trabalhar no habitual lugar, que é o posicionamento entre linhas, movimentando bem a bola e fazendo Alisson, Éverton e Jael trabalharem bem no jogo.

Mas o primeiro gol saiu na habitual marcação alta do Grêmio, que posicionou três jogadores na marcação alta em cima dos defensores, obrigando Yago a recuar mal para o goleiro Saulo, que por sua vez, não conseguiu afastar a bola de perto da área, sobrando para Luan concluir à gol, e na trajetória a bola bate na mão de Carli, sendo assinalado o pênalti para o Tricolor. Jael cobra, de cavadinha, e abre o placar da partida.

WhatsApp Image 2018-09-01 at 21.02.30

Após o gol, o Botafogo tenta ir pra cima do Tricolor, mas sem sucesso, tanto que foram 12 tentativas de conclusão à gol, sendo 9 bloqueadas pela Grêmio, e as outras 3 foram para fora. Mais um ponto positivo para o Grêmio, que possui a defesa menos vazada do campeonato, com apenas 11 gols sofridos.

Aos 17’ do primeiro tempo Maicon sente algum problema físico, naturalmente entraria Michel, para segurar mais na contenção da defesa e assim liberando Cícero, mas Renato Portaluppi coloca Alisson no lugar de Maicon, deslocando Ramiro para a volância na frente da zaga e liberando Cicero. Mais uma boa alteração de Renato, Ramiro entrou bem nesta posição, rendendo mais que os últimos jogos, e colocando Cícero no setor que mais se sente a vontade.

E assim saiu o segundo gol gremista, com 26 passes, entre 9 jogadores durante 1 minuto e meio de posse, com direito a meia lua de Luan no marcador e lançamento preciso de Cícero para Jael dentro da área, que dominou já tirando do marcador e só teve o trabalho para empurrar para o fundo das redes.

Apesar das tentativas do Botafogo de chegar ao gol, ele era dominado pelo toque de bola e volume de jogo do Tricolor, com Luan trabalhando e distribuindo o jogo, e mais uma vez participando da jogada que originou mais um gol gremista. Como escreveu no Twitter o nosso caro Maurício (@mwgremio), Luan trabalha a jogada, passa a bola e dá opção de passe para triangulação, se movimenta puxando a marcação que pensa que o passe será para ele, abrindo a defesa dando espaço para Alisson finalizar.

Grêmio 3×0 com grande atuação de Jael (2 gols e bola na trave), Éverton (bola na trave e grande finalização, obrigando Saulo a fazer boa defesa), Alisson (Gol e boa movimentação na frente, aliando drible com velocidade), Cícero (assistência com belo lançamento), e ainda sobrou tempo para André entrar e marcar o 4º gol, em mais um pênalti marcado para o Tricolor.

DESTAQUE:

Luan foi o nome da partida deste sábado, o regente do ataque Tricolor, ocupando os espaços deixados pela defesa botafoguense e fazendo algumas associações com Alisson pela direita.

Alguns números de Luan napartida:

3 passes para finalização

1 assistência

35 passes (32 C) 91% certo

3 cruzamentos certos

1 desarme

2 faltas sofridas

6 lançamentos (4 C)

Luan(Mapa de ação do Luan)

Imagem: Footstats

@dktricolor

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s