Com o pé direito – PÓS JOGO LIVERPOOL 4 x 0 WEST HAM

Por Daniel Klabunde e Felipe Holanda

A primeira partida entre as duas equipes na temporada ocorreu quase como o esperado, com o Liverpool impondo seu jogo e o West Ham esperando no seu campo de defesa. O que não era esperado, foi um West Ham tão apático e aceitando tanto o jogo do Liverpool.

ESCALAÇÕES QUE INICIARAM A PARTIDA:

corImagem: TacticalPad

Na saída de bola, utilizando uma saída de 3 com Wijnaldum se juntando aos zagueiros, ou Milner, deixando Keita um pouco mais livre para a criação das jogadas, se utilizando muito da sua velocidade e qualidade no passe.

cor(Saída de 3 do Liverpool)

Superior em todos os quesitos, o gol era questão de tempo, e saiu aos 18 minutos da primeira etapa, em grande contra-ataque iniciado por Keita ainda no campo de defesa, se posicionando muito bem no espaço vazio, recebendo a bola e fazendo a transição rápida para o ataque, bem no estilo Klopp, pegando a defesa desarrumada e dando espaços para o ataque dos Reds. Espaço encontrado por Robertson pela esquerda, que efetuou o cruzamento para Salah só completar para o fundo das redes.

corKeita efetua a transição em velocidade e passa para Robertson, que tem total liberdade para avançar pela esquerda

O segundo gol veio de um cruzamento da esquerda, onde Milner acreditou na jogada, e de carrinho evitou a saída de bola pela linha de fundo tocando para o meio da área encontrando Mané, livre para tocar pro gol.

Keita teve grande destaque na partida, se movimentando muito, executando o jogo apoiado e até sendo o homem a ficar entre as linhas adversárias, formando um triângulo invertido no meio campo dos Reds em muitas jogadas.

Diante do bom jogo dos Reds, os Hammers não demonstraram nenhum tipo de reação, tanto que tivemos escassos momentos em que o Liverpool foi pressionado, mantendo a posse de bola e administrando a partida da melhor forma que lhe era escolhido, tanto que foram 18 chutes à gol, contra apenas 5 do West Ham.

depAmpla superioridade do Liverpool, com poucos momentos de pressão do West Ham

Imagem: SofaScore

A vitória ficou decretada com Mané marcando o terceiro para os Reds, o seu segundo na partida, mesmo estando impedido no momento do passe de Firmino. Outra boa notícia fica por conta de Sturridge, depois de ter sido emprestado na temporada passada, voltou muito bem para essa temporada, sendo o goleador da equipe na pré-temporada e marcando o quarto gol na vitória de domingo, com 24 segundos em campo.

@DKtricolor  e @WHTaticas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s