A inconstância do Corinthians – ANÁLISE TÁTICA DE CHAPECOENSE 2 x 1 CORINTHIANS

Por Michel Fellipe

O Corinthians iniciou o jogo desse domingo contra a Chape já pensando na quarta-feira onde irá enfrentar a mesma Chapecoense na partida de volta da Copa do Brasil. Diante disso, Osmar Loss escalou um time alternativo, com apenas 3 jogadores considerados titulares, o goleiro Cássio, o volante Gabriel e o atacante Clayson. Além da mudança de jogadores, Loss mudou também o esquema o Corinthians jogou no 4-1-4-1 voltando aos velhos do vitorioso técnico Tite, assim a escalação foi a seguinte:

cor

Como diz o titulo do texto, o Corinthians não encontrou uma constância ainda, tem se mostrado um time desequilibrado e nesse jogo não foi diferente. O alvinegro fez um ótimo primeiro tempo e jogou o mesmo no lixo no segundo tempo.

Como dito o Corinthians iniciou muito bem o duelo contra a Chape, começou bastante agressivo e logo aos 5 minutos abriu o marcador com Marquinhos Gabriel. Após o gol a equipe não tirou o pé e buscou ampliar a vantagem, mas esbarrou em boas defesas de Jandrei e na ineficiência do centroavante Roger.

Como visto na escalação a forma tática de jogar foi diferente, o Corinthians voltou ao 4-1-4-1 com Vital e Araos por dentro, aliás, o chileno foi uma grata surpresa nesse jogo.

cor.jpg

Falando do Araos, o gringo fez um excelente primeiro tempo, foi o cara do Corinthians, pressionando para recuperar a posse da bola, apoiando e movimentando para ser opção de passe e chegando ao ataque com perigo.

Com Vital e Araos por dentro o Corinthians teve mais dinâmica e fluidez. Outro ponto positivo no jogo foi o zagueiro Léo Santos sendo ou pelo menos tentando ser um zagueiro construtor, por vezes era perceptível ele carregando a bola até o campo adversário. Um ponto que não foi visto e que vinha sendo um expoente corinthiano foram as triangulações, o Corinthians triangulou pouco e buscava mais o jogo por dentro com os meias buscando atrair a chape para dentro e abrir bem o campo. Dois pontos citados aqui serão vistos no vídeo abaixo do gol.

Se o primeiro tempo foi todo do Corinthians, não se pode dizer o mesmo do segundo. O Corinthians entrou bastante desligado e logo se viu uma Chape mais agressiva, buscando atacar mais do que se defender, como é característica do time de Chapecó. Logo a Chape empatou e buscava mais do que o Corinthians a vitória, tendo vista o “sono” do Corinthians e as más substituições do Loss, chegou a tirar o Marquinhos Gabriel para colocar mais um volante, o Ralf, e atraiu mais a Chapecoense, que aos 49 minutos do segundo tempo foi premiado com um gol do Argentino Doffo, em uma série de erros da defesa do Corinthians. Veja o vídeo abaixo do gol da vitória da Chape.

Quarta-feira as duas equipes voltam a se enfrentar na Arena Condá, dessa vez pelo jogo da volta da Copa do Brasil. Vamos ver como o Corinthians vai se postar e se Osmar Loss vai encontrar finalmente um equilíbrio para o Corinthians.

@MichelFellipe10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s