Evolução e controle. Bela vitória, tricolor – ANÁLISE TÁTICA SPORT 1 x 3 SÃO PAULO

Por Pedro Galante

Depois de uma semana sem jogos, o São Paulo foi até a Ilha do Retiro para defender o primeiro lugar contra o Sport. Havia uma grande expectativa sobre como o São Paulo se comportaria nessa partida, uma vez que todos esperavam uma postura defensiva por parte do Sport.

O Leão de fato adotou uma estratégia mais cautelosa, negando espaços ao adversário e buscando aproveitar os erros do mesmo. O São Paulo contava com a volta de Jucilei no meio campo e, com a venda de Militão, Bruno Peres jogou na lateral direita.

O time soube lidar com a posse de bola, ainda há muito para melhorar nesse quesito, mas a melhora em relação as últimas partidas foi clara. O time ainda se apoio muito em cruzamentos com baixo aproveitamento (6 certos de 18, 33% de aproveitamento) mas deixou de lado aquele desespero de simplesmente alçar a bola na área.

O time circulava a bola por dentro, afim de criar uma situação para que um dos pontas cruzassem. Há algumas coisas que podem ser feitas para melhorar ainda mais essa jogada de cruzamento como atacar a área com mais jogadores e povoar a entrada da área para aproveitar uma eventual rebatida da defesa.

O time chegou ao gol após uma falha da defesa do Sport, Everton cruzou rasteiro e Diego Souza marcou. Depois do gol, o time diminuiu a intensidade dos ataques. Manteve o jogo leve, se defendendo bem e tocando a bola.

No segundo tempo o cenário foi parecido. O São Paulo controlava o jogo e o Sport receoso em atacar com intensidade e sofrer nos contra-ataques.

spMesmo vencendo, o São Paulo manteve a organização defensiva e o controle sobre a partida. (Foto: Instat/ Pedro Galante)

Nenê ampliou para o tricolor em uma bela jogada de Rojas. O São Paulo vencia com folga e administrava bem o resultado, tudo indicava mais uma vitória do time de Diego Aguirre, mas, aos 41 minutos Marlone marcou de falta e incendiou o jogo. O Sport cresceu emocionalmente em busca do empate.

Quatro minutos depois, Hudson puxou o contra-ataque para Trellez com um lindo lançamento, o colombiano marcou o terceiro.

Foi um jogo importante não só pela manutenção da liderança, mas pelo desempenho. O time enfrentou um cenário que não é o mais cômodo, e mesmo assim demonstrou muito controle. Controle este que será essencial para a sequência do campeonato.

Mas antes disso, o tricolor vai a argentina em busca da classificação na Copa Sul-americana, contra o Colón-ARG. O resultado dessa partida deve determinar como será o resto da temporada: se o clube focará apenas no nacional, ou dividira sua atenção com uma taça continental.

@Pedro17Galante

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s