VOLTAMOS! ESTREIA COLORADA NA SÉRIE A DO BRASILEIRÃO 2018! Análise tática de Internacional 2 x 0 Bahia

Por Luiz “Juno” Martins

Como é bom voltar a série A do Brasileirão e ainda com uma vitória consistente, pra ganhar confiança, pro restante da temporada.
A grande desconfiança que pairava sobre a cabeça do torcedor colorado, de como seria o desempenho do time neste primeiro embate na elite do futebol brasileiro, foi logo desmistificada, com uma boa atuação da equipe, conquistando um placar de 2×0, contra o Bahia, a frente de seu povo, no estádio Beira-Rio.
O time no primeiro tempo demonstrou ainda dificuldades de criação de jogadas, mas já com bons sinais de melhora, principalmente pelo segundo gol marcado na partida.
Este gol, que foi uma criação de área a área, com aproximação, deslocamento de jogadores, sempre buscando avanço ao campo adversário, é um sinal de que num futuro próximo, podemos voltar a ver bom futebol no Beira-Rio.

Os dois gols, da vitória colorada, na estreia do Campeonato Brasileiro 2018

Análise

int 1

O posicionamento médio da equipe no jogo, denota que a formação 4-2-3-1, foi o esquema de jogo padrão da equipe, tendo muita mobilidade dos laterais em se juntar aos meio-campistas, buscando sempre gerar superioridade no setor. Além disso, como a equipe do Bahia também utilizava os laterais muito altos no campo, os corredores laterais ficavam abertos e isso foi bem aproveitado por Fabiano (pela direita) e Iago (pela esquerda).

 Já a posse de bola do time, teve 2 momentos distintos. No primeiro tempo a equipe obteve 56% de posse de bola e finalizou 8 vezes, sendo 3 a gol, conseguindo abrir o placar, ainda na primeira etapa.

int 2

No segundo tempo com o placar a seu favor, Inter se postou em um bloco médio, dando um pouco mais de campo ao time do Bahia. Desta forma, a posse do time diminuiu para o valor de 36%, contra 64% do adversário. Com mais espaços, time sentiu-se confortável e conseguiu o segundo gol, com ótima troca de passes.

“ Mas Juno, como foram as finalizações da equipe, com estas diferenças de posse tão diferentes? ”

int 3

Inter realizou 15 finalizações em todo o jogo, 8 no primeiro tempo e 7 no segundo tempo. sendo divididas da sequinte forma:

– 6 finalizações para fora;
– 3 finalizações interceptadas;
– 6 finalizações no gol, sendo 3 em cada tempo;

O posicionamento médio de finalização foi de 17,1 metros, demonstrando que a equipe conseguiu chegar próximo ao gol do Bahia.

Já sobre os passes, a equipe conseguiu 85% de acertos nos passes. A precisão na troca de passes vem se tornando, uma característica marcante da equipe, mesmo ainda o time não possuindo tantas jogadas de aproximação e time jogando mais próximo. Muitas vezes os atletas ainda realizam deslocamentos e passes longos, pra poder progredir no campo.

int 4

Do total geral de passes, equipe realizou:

– 197 passes laterais. 170 certos – 86% de precisão;
– 174 passes p/ frente. 120 certos – 69% de precisão;
– 65 passes p/ trás. 63 certos – 97% de precisão;
– 11 cruzamentos – 4 certos – 36% de precisão;

Equipe ainda possui dificuldades para buscar jogo entrelinhas, na progressão ao ataque, ainda por falta de maior deslocamento e aproximação de jogadores, mas em compensação, busca jogadas de bola no chão, pelo baixo número de cruzamentos realizados.

Defesa

Na parte defensiva, a equipe não sofreu tantas dificuldades, onde a equipe do Bahia finalizou dez vezes, sendo duas no gol de Marcelo Lomba.

Além disso, foram realizados 48 desarmes, com efetividade em 26 situações, com aproveitamento de 54%. Destes apenas 12 foram em campo defensivo. Destaque neste quesito para Rodrigo Dourado, que desarmou com precisão 7 vezes, o adversário, em um total de 11.

O que ainda tem ocorrido com frequência é a seguida quebra de linha dos defensores, que buscam realizar perseguições longas e em sua maioria erram o desarme e/ou a interceptação.

int 5

Isto ainda é algo a ser melhor trabalhado pelo técnico Odair Hellmann e sua comissão.

Jogador destaque

O destaque fica por conta de Nico López, jogador que parece estar melhor adaptado ao modelo de jogo da equipe, fazendo sua melhor partida desde que chegou a equipe colorada. Marcou os dois gols da partida, mas sempre buscou levar perigo ao gol adversário, com suas finalizações e movimentação. Atuou bastante pelo lado direito do campo, sempre buscando centralizar o jogo, para buscar algum companheiro para rápida troca de passes.
Este jogo deixa uma boa impressão do atacante, para o futuro, podendo ser um jogador importante na temporada e também a longo prazo.

int 6

@ojunomartins

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s