PRÉ-JOGO TÁTICO ATLÉTICO-PR x SÃO PAULO

Por André Frehse Ribas e Pedro Galante

ATLÉTICO

Por André Frehse Ribas

CAP 3

Com os números que você está vendo acima, o Atlético chega ao seu jogo mais importante da temporada. Até aqui, o rubro-negro fez boas atuações sob comando de Fernando Diniz. Com um futebol envolvente, bom toque de bola, troca de posições, zagueiros apoiando e linhas altas. O Furacão tem um modelo bem definido e precisa fazer um grande jogo para superar o São Paulo na Arena da Baixada. E é sobre isso que vamos falar. É hora de analisar o time do Atlético e entender o que pode acontecer no jogo de quarta-feira.

Como o Atlético joga

O Atlético tem como seu esquema o 3–4–3. Nesse esquema, os pontas, Carleto e Jonathan, são os responsáveis por darem amplitude ao time (ou seja, por abrirem o espaço nos lados do campo). Os zagueiros têm um papel importante na criação e no apoio. Pelos lados, eles procuram surgir como opção para as triangulações. Bergson (Ribamar) procuram dar profundidade ao time (abrir o campo horizontalmente). Já os outros atacantes, Nikão e Guilherme, procuram trabalhar pelos lados com infiltrações, passes rápidos e triangulações.

LAKA1
Amplitude. Abrir o jogo pelos lados.

Os meias, Raphael Veiga e Matheus Rossetto, se movimentam muito para dar ritmo ao Atlético, com troca de posições e passes para a infiltração. A troca de posição acontece em alguns momentos do jogo. No exemplo abaixo, Wanderson troca de posição com Jonathan. Às vezes, em uma jogada pontual, Wanderson acha um espaço e tem essa liberdade para avançar e ocupar uma posição que não é a sua. Com isso, outro jogador se movimenta para ficar no espaço deixado pelo zagueiro.

LAKA2Wanderson troca de posição com Jonathan.

Na hora de se defender, o Atlético fica com cinco homens na última linha, quatro na linha do meio-campo e deixa o centroavante mais avançado. Assim que perde a bola, o Furacão procura pressionar e dificultar a saída de bola do adversário para que o time possa se recompor na defesa. Quando está sendo atacado, o time procura criar superioridade numérica na zona da bola para recuperá-la. Assim que recupera, tenta tirar a bola da zona de pressão para fazer a transição ao ataque.

A bola aérea e os contra-ataques são os pontos fracos do rubro-negro. O Furacão acaba atacando com quase todos os seus jogadores e, na hora da recomposição, acaba demorando um pouco. A bola aérea é um problema que o Atlético vem enfrentando nos últimos jogos. Posicionamento e atenção no 1×1.

laka3.jpeg
Atlético se defendendo contra o Ceará.

O que Atlético precisa fazer para superar o São Paulo?

De acordo com os últimos jogos, o Tricolor Paulista deve vir fechado para o confronto de quarta-feira. Com isso, o Atlético precisa ter paciência para trocar passes e chegar ao gol. Intensidade, passes rápidos, 1×1 e infiltrações, é dessa forma que o rubro-negro deve trabalhar para furar as linhas do São Paulo. É importante que o Furacão tenha um articulador para dar passes-chave, como vem fazendo o Guilherme nos últimos jogos.

O São Paulo vai querer que o Atlético cruze a bola na área, pois tem uma zaga alta e sólida. O Furacão não pode cair nessa. Precisa ter calma para achar espaços e furar a marcação. Calma não quer dizer lentidão, o jogo tem que ser intenso e rápido, mas muito pensado.

 

SÃO PAULO

Por Pedro Galante

sp

É preciso destacar a importância desse jogo. O São Paulo vem de um longo período sem títulos, iniciando um trabalho com um treinador estrangeiro sob muita desconfiança da torcida, nesse contexto, avançar na principal copa nacional é importante para a torcida. Soma-se a isso o fato de o São Paulo nunca ter ganho a Copa do Brasil e do histórico recente na competição ser ruim – o tricolor não passa das oitavas de final desde 2015. Portanto o peso emocional e psicológico desse jogo é grande.

Como joga o São Paulo e o que é necessário para superar o Atlético?

Agora partindo para a questão tática. O São Paulo deve jogar da mesma forma que jogou contra o Corinthians, se defendendo no seu próprio campo e buscando o contra-ataque. Essa estratégia é bem coerente para esse jogo, uma vez que o Atlético-PR de Fernando Diniz se caracteriza por jogar com a posse de bola e atacar o adversário constantemente e com muitos jogadores, o que deixa espaços para contra-ataques (como analisado acima).

sp 1.png

O ponto fraco do Furação é a recomposição, ou seja, haverá espaço nas costas dos defensores, será preciso saber aproveitá-los. E aproveitar espaços tem sido uma dificuldade do São Paulo sobre o comando de Diego Aguirre, por dois motivos: a forma como os contra-ataques são iniciados e o número de jogadores que participam dessa ação.

Os contra-ataques do São Paulo em sua maioria começam de bolas rebatidas ou afastadas pela defesa, nunca de um passe proposital vindo de trás. Isso é um problema pois como o grande objetivo era afastar a bola e não colocar o atacante em condições de criar perigo, o passe não chega com qualidade o que retarda o contra-ataque e permite a recomposição da defesa adversária.

GALA
Trellez sozinho em um contra-ataque do São Paulo. Em amarelo a região onde deveria haver algum meia a dar apoio. A jogada começou de um chutão da defesa tricolor. (Foto: Premiere/Pedro Galante)

Quanto aos números de jogadores, falta apoio dos pontas e dos meias. Trellez recebe a bola sozinho e tem de partir para cima da defesa, além de essa não ser a sua característica é obvio que estando em inferioridade numérica sua chance de sucesso é pequena. Se houverem jogadores com quem Trellez possa trocar passes em velocidade, o contra-ataque vai fluir melhor.

Se conseguir arrumar esses problemas, fazendo o contra-ataque fluir e manter o bom jogo defensivo de controle de espaços, o São Paulo Futebol Clube tem tudo para sair vitorioso.

 

@andre_frehse 

@pedro17galante

 

3 comentários sobre “PRÉ-JOGO TÁTICO ATLÉTICO-PR x SÃO PAULO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s