HERBERT CHAPMAN, O PAI DO WM

Por Pedro Galante

Das minas de carvão para o campo de futebol, Chapman foi o primeiro técnico a realizar uma revolução propriamente tática. Ele foi o primeiro a usar outra formação que não a pirâmide, ou o 2-3-5, como também era conhecida

Herbert Chapman nasceu no dia 19 de janeiro de 1878 em Kiventon Park. Ao invés de seguir o pai e ir trabalhar nas minas, Chapman escolheu o futebol. Começou sua carreira no Stalybridge, depois passou por diversas equipes como Rochdale, Grimsby, Swindon, Sheppey United, Worksop, Northampton, Notts County e Tottenham. Chapman era um jogador comum, a única coisa a ser destacada desse período é o uso de chuteiras amarelas. Segundo ele, a cor das chuteiras o deixava mais visível a seus companheiros. Um sinal de criatividade e engenhosidade, que viria a ser determinante no seu futuro como treinador.

Começou como técnico no Northampton em 1907, sua ideia era de replicar o antigo jogo de passes escocês, mas Chapman percebeu que passar muito tempo no ataque poderia ser algo perigoso. Por isso, instruiu seus jogadores a recuarem, mas não para marcar os adversários e sim para atrai-los ao seu campo e utilizar o espaço aberto no contra-ataque. Chamar Chapman de criador do contra-ataque seria falso, uma vez que os contra-ataques já existiam desde os primórdios, mas ele foi o primeiro a usar uma estratégia que se baseava no contra-ataque e que, ao invés de esperar o acaso criar esse espaço, induzia o adversário a abandonar seu campo de defesa.

chpman 1Foto: Trivela – UOL

Em 1912, foi comandar o Leeds City. Chapman fazia um bom trabalho até que a guerra atrapalhou as atividades do clube. Em 1919, o clube foi acusado de fraude no pagamento de jogadores e foi punido, por consequência, Chapman foi expulso do futebol pela FA (Football Association).

Dois anos depois, Chapman recebeu uma oferta do Huddersfield. Após entrar em acordo com a FA, Chapman aceitou a oferta e voltou ao futebol. Após uma mudança na regra do impedimento (de três para dois homens atrás da linha da bola) Chapman tomou a decisão que iria revolucionar o futebol da época: ele ordenou que seu centromédio recuasse para marcar o centroavante.

chapman 2Representação do WM no Emirates Stadium (Foto: Mauricio Wiklicky)

Apesar do recuo do centromédio não ser algo totalmente novo, que ocorria quando equipes venciam com vantagens significativas, era algo circunstancial que ocorria poucas vezes. Chapman ordenou que esse recuo fosse feito durante toda partida, configurando assim um novo esquema o WM (3-2-2-3). Os dias da pirâmide (2-3-5) estavam contados.

chapman 3Em vermelho, uma equipe no WM. Perceba como o centromédio, circulado, recua para marcar o centroavante. (Foto: Pedro Galante/Tactical Pad)

Após vencer a liga duas vezes, Chapman foi para o Arsenal em 1925. Seu primeiro título só veio em 1930, quando ganhou a FA Cup. Chapman foi multicampeão no comando dos Gunners, onde é ídolo até hoje.

chapman 4Estatua de Herbert Chapman em Londres (Foto: Immortals of British Sport)

Vale destacar também que o seu esquema, o WM, serviu de inspiração para o nome deste site. Adequando o nome a inversão da pirâmide, muito bem retratada no livro “A pirâmide invertida, ” que é uma das referências dessa série, trocamos as letras e criamos o MW Futebol.

@Pedro17Galante

Anúncios

Um comentário sobre “HERBERT CHAPMAN, O PAI DO WM

Deixe uma resposta